Coffee time

laco

Pão fit de banana em 5 minutos!

Oi, minhas amoras mais lindas do mundo!

Receita rápida e gostosa pra quem quer comer um pão saudável (e matar ainda a vontade de comer doce!!!) Olha essa, pois não tem sal, açúcar, farinha e óleo! Nada disso e ainda fica pronto em CINCO MINUTOS!

Anota a receita:

* 1 ovo

* 1 e 1/2 colher  de requeijão light

* 2 colheres de aveia (ou quinoa)

* 1 colher de chia

* 1 banana prata

* uva-passas à gosto

*canela à gosto

Como fazer: Coloque a banana amassada numa caneca ou vasilha e depois junte todos os ingredientes e mexa bem. Deixe no microondas por 5 minutos e pronto!

Amoras, incluí a chia pois é mara para a saúde! A banana prata não é tão doce assim. Coloquei a uva-passas para que o pão ficasse mais doce mesmo, assim, tenho um açúcar bom e mata minha vontade de doce.  Quem curte, a uva-passas pode substituir seu açúcar refinado nos sucos, lanches, pães e bolos! Amo!  Tenho usado sempre!

A canela é pra dar aquele gostinho que amo e tem ação termogênica mara da vida!

Ahh, não coloco fermento! Deixo assim sem crescer mesmo. E essa medida que dei dos ingredientes dá pra uma pessoa comer feliz – às vezes não aguento comer esse pão todo, dá três pedaços satisfatórios!IMG_9451  Começamos a comer antes da canela, estava tão quentinho que não resistimos! Com cafezinho, nesse dia chuvoso em Belém.. não podia ser melhor!

Beijos, Amoras, espero que curtam a receitinha!

signature

“A Garota Dinamarquesa.”

Um filme, uma Cinebiografia incrível dirigida por  Tom Hooper  sobre o primeiro caso  da cirurgia de mudança de gênero concluída no mundo!

O processo de descoberta da sexualidade e a exploração desse universo novo são muito bem interpretados por Eddie Redmavne, ator protagonista desta história.

Einar Wegener, o personagem principal, consegue fazer você acompanhar e se envolver nos dramas e violências que o afligem, dilemas totalmente atuais. Digo que esse filme permite confrontar a si mesmo e se permitir conhecer e decidir sobre a sua vida. Ser protagonista de sua história!

Digo mais, digo o quanto o ser humano é surpreendente em sua própria exploração dos seus sentidos, da sua sexualidade, nos problemas que o envolvem e nas assertivas em prol da sua felicidade. Nesse recorte das relações pessoais o filme é muito intenso, pois mostra atributos da personalidade de ambos envolvidos no relacionamento amoroso principal do filme, que é entre Einar e Gerda Wegener, interpretada por Alicia Vikander. Ambos são Pintores, então toda a magia e liberdade da Arte está presentes no filme.

Você fica surpreendido com as atitudes tomadas pelos personagens diante da vontade de encontrar a si mesmo, de conquistar o que deseja, de não querer perder.. os desencontros de um relacionamento dito estável e choque de todos os lances de amor.

A descoberta de ser mulher de Einar que, se torna Lili Elba, definitivamente vai fazer você refletir em todos os pontos que convergem na vida da própria pessoa e com as quais ela tem vínculo.

Einar e Gelda brincam com o desejo. Einar se reconhece mulher. Gelda quer interromper essa descoberta do companheiro. Einar decide ser quem é e Gelda sofre. Gelda é a maior companheira que ele tem na vida, inclusive diante da morte. É emocionante.

the-danish-girl_t10068_jpg_290x478_upscale_q90

Além disso tudo, figurino encantador e a caracterização de Lili Elba é arrebatadora!

Pra terminar, esse filme traz um debate atual com a maior parte dos desafios a serem enfrentados pelos protagonistas dessa questão. É pra pensar sua própria singularidade, a relação com você e seus desejos, com o outro e o mundo à sua frente.

Bom filme, Amoras mais lindas do mundo!

signature

Pelo Dia Internacional da Mulher: “Ontem me mataram…”

O dia de hoje marca a reafirmação da necessidade da luta pela emancipação das mulheres e de lembrar e comemorar as grandes conquistas das lutas sociais, onde as mulheres são as protagonistas. Além disso, é uma data importantíssima para fortalecer as bandeiras de luta e romper os desafios contemporâneos que ainda limitam mulheres do mundo inteiro no âmbito social, cultural e político.

Segue a carta escrita pela Paraguaia Guadalupe Acosta, em homenagem à Marina Menegazzo e María José Coni, as duas mulheres argentinas que viajavam juntas e estavam no Equador. 

Eu poderia dizer um pouco mais sobre os dilemas que nós, mulheres, enfrentamos cotidianamente, mas a carta basta.

Espero que gostem e reflitam também.

“Ontem me mataram.
Me neguei a deixar que me tocassem e, com um pedaço de pau, me arrebentaram o crânio. Me deram uma facada, e me deixaram morrer sangrando.
Como lixo, fui enfiada em uma sacola plástica, fechada com fita adesiva, e fui jogada em uma praia, onde horas mais tarde me encontraram.
No entanto, pior do que a morte, foi a humilhação que veio depois. Desde o momento em que encontraram meu corpo inerte, ninguém se perguntou onde estava o filho da puta que acabou com meus sonhos, minhas esperanças, minha vida.
Não, mas logo começaram a me fazer perguntas inúteis. A mim, imaginem, uma morta, que não pode falar, que não pode se defender.
– Que roupa você usava?
– Por que andava sozinha?
– Como uma mulher vai viajar desacompanhada?
– Estava em um bairro perigoso, o que esperava?
Questionaram os meus pais, por me darem asas, por deixarem que eu seja independente, como qualquer ser humano. E disseram que, seguramente, nós andávamos drogadas e buscamos por isso, que alguma coisa nós fizemos, que nós deveríamos ter sido vigiadas.
E só morta eu entendi que não, para o mundo, eu não sou igual a um homem. Que morrer foi minha culpa, que sempre vai ser. Enquanto que se a notícia fosse ‘dois jovens turistas mortos’ as pessoas estariam prestando condolências e, com seu discurso falso e hipócrita de dupla moral, pediriam pena maior aos assassinos.
Mas quando é uma mulher, se minimiza. Se torna menos grave, porque é claro, eu mesma busquei. Fazendo o que eu queria, encontrei o que merecia por não ser submissa, por não querer ficar dentro de casa, por investir meu próprio dinheiro em meus sonhos. Por isso e por muito mais, me condenaram.
Me entristeci, pois não estou mais aqui. Mas você está. E é mulher. E tem que aturar o mesmo discurso de “se dar valor”, de que é sua culpa que gritem na rua que querem tocar/lamber/chupar seus genitais porque você veste um short com 40 graus de calor, de que se você viaja sozinha você é “louca” e que muito seguramente, se algo acontece com você, se pisoteiam os seus direitos, foi você que buscou isso.
Peço que por mim e por todas as mulheres que foram caladas, silenciadas, que tiveram suas vidas e seus sonhos acabados, você levante a voz. Vamos brigar, ao seu lado, em espírito, e prometo que um dia seremos tantas, que não vão existir sacos plásticos suficientes para nos calarem.”

Até mais, minhas Amoras, mulheres de luta!

signature

Chá pra tudo!

Oi minhas Amoras mais lindas do mundo!

Hoje vou  falar de algo que só faz bem pra gente: chá!

Amo café, dá pra perceber  pelo blog, mas amo chá também! Eles fazem um bem danado para a saúde. Praticamente todos os dias eu tomo algum e vou mostrar pra vocês quais são e os seus benefícios. Vem comigo!

Chá de Hibisco.

Ele tem sido o meu amor e está bem famoso! Quente ou gelado, tomo até no lugar do cafezinho da manhã.

O que ele tem de bom? Quanto à minha experiência, percebo que ele desincha meu corpo. É uma ação diurética mara! Sei que ele auxilia na diminuição do acúmulo de gordura e do colesterol ruim no organismo. Então é um aliado pra quem está querendo cuidar da saúde, manter e perder peso. Além disso ele tem um sabor mais azedinho e eu, que sou chegada em bebidas nesse estilo, amo!

h

Como preparo: 200 ml de água fervida para duas colheres de chá da folha. Abafo por 5 minutos e pronto.

Dica mara: se faço uma medida maior, guardo na geladeira depois que ele esfria e tomo geladinho no outro dia. Ferver o chá novamente faz com que ele perca os nutrientes.

Dica mais mara ainda: como o chá de hibisco ajuda no controle da absorção da gordura ruim, eu gosto de tomar antes do almoço. Desincha e ajuda na manutenção do peso, pra quem perder é dica da vida!

Chá de hortelã.

Refrescante, ele ainda ajuda no combate à dor de estômago, náusea, má digestão, vômito, acalma os músculos do estômago e do intestino. Para mim funciona como aliviador do stress. Me relaxa sem deixar pra baixo e sonolenta.

hortela

Tem ainda características mais comuns que são o combate ao mau hálito, combate à gripe e resfriados. É antioxidante e conserva o colágeno nos cabelos.

Como preparo: 300 ml de água fervida para 2 sachês do chá. Deixo “repousando” por 5 minutos.

Chá de camomila.

camomila

Esse daí eu pego pra tomar, deitar na cama e dormir. Quem é que não tem os dias em que chegar em casa, tomar um banho, jantar e dormir é urgente? Pra desligar mesmo. Além disso ele tem efeito cicatrizante e alivia cólicas menstruais.

Como preparo: fervo 200 ml aguá, coloco dois sachês do chá, tampo a chaleira e deixo lá por 5 minutos. Pronto, bora tomar e dormir.

Dica mara: pra combater o stress e a ansiedade, pega ele pra você e vai ser feliz! Ah, adoce com mel, fica divino!

Chá verde.

Acredito que esse seja o mais famoso do momento. Ele auxilia  a queima de gordura, acelera o metabolismo, combate à retenção de líquidos e é rico em antioxidantes, retardando o envelhecimento.

Ainda estou me adaptando ao chá verde, já tomo café suficiente, então preciso equilibrar pois o chá verde é estimulante, tem cafeína. Fica a dica pra quem precisa melhorar o funcionamento cognitivo.

verde

Como reparo: 200 ml de água fervida. Coloco 3 colheres de chá da folha seca, deixo repousar por 5 minutos.

Dica: ele é um pouco amargo, adoce com mel que fica melhor.

Chá de maçã.

Particularmente acho delicioso. É ótimo pra quem tem o intestino preso por seu efeito laxante. Previne o colesterol alto e auxilia na manutenção do colesterol em níveis ideais.

maca

Como preparo: um sachê para 200 ml de água fervida. Coloco os sachês mais uma lasquinha de gengibre na água e deixo abafando por 3 minutinhos. É mara!

Quero provar o chá de alecrim pois tem propriedades antibacterianas que combatem infecções no estômago e desintoxica o fígado. Alguém já provou?

Bom chá, amoras!

 

 

signature

“A incrível história de Adaline”: dica de um filme com romance, drama e coragem.

Dica delícia de um filme mara pra pensar a vida! “A incrível história de Adaline” não é nenhuma estréia, viu?! Mas é um filme bom pra ver num fim de semana bem gostoso e relaxante na sua casa!  E, para mim, é um filme que nos estimula a ter fôlego para encarar os desafios da vida e não desistir da nossa própria felicidade.

Adaline, interpretada por Blake Lively – linda de viver! - é uma jovem mulher que, num acidente de carro, por efeitos metafísicos, adquire a capacidade de não envelhecer. Diante desse dilema, toda sua vida é modificada, desde à identidade aos vínculos que ela construiu. Muitos amores precisam ser deixados para que ela continue vivendo sem ser descoberta. É angustiante vê-la fugindo da própria vida.

Não vou contar o filme todo não.. hein?!

Acredito que pela força que ela recebera da filha e até mesmo pela  sua sede de estar por inteiro em sua própria história, Adaline resolve encarar viver um amor e não fugir mais.

Tem romance, drama, dilemas que são facilmente transportados para o nosso dia a dia.

Segue aí o Trailer!

Quanta coisa deixamos de encarar fugindo de nós mesmos e dos nossos dilemas?

Tem no Netflix, viu?!

Um beijo grande para as minhas Amoras e bom filme!

signature

O backstage da moda fast fashion!

the-true-cost-1024x576

Oi minhas amoras mais lindas do mundo!

Hoje vim trazendo uma dica de documentário beeem legal que assisti a poucos dias atrás: The True Cost. Esse documentário é pra quem quer descobrir o que está por trás da produção da moda mundial, principalmente das grandes marcas fast fashion!

O documentário mostra o sentido da produção fast fashion no cenário econômico, no consumo, nos impactos ambientais, na agricultura  e até na INDÚSTRIA FARMACÊUTICA! Além disso, mostra as condições de trabalho dos trabalhadores das indústrias têxteis, bem como a situação dos direitos trabalhistas nos países de economia de terceiro mundo e a concepção de trabalho para essas grandes marcas fast fashion, tendo em vista a inserção de crianças nas indústrias.

Tem uma parte bem interessante que mostra o verdadeiro destino das roupas que os grandes bazares de marcas famosíssimas realizam..Vale muito a pena conferir!

Um fato interessante que o documentário mostra é o impacto dessa aceleração do consumo na produção têxtil. Fica bem explicativo o que significa o conceito “fast fashion”. E, assim, o significado para a economia e para toda a lógica de produção. Ou seja, os impactos na mudança da produção têxtil até à plantação de algodão que é o principio da confecção de uma roupa. E aí entra uma outra parte interessante que é a mudança na agricultura que afeta a composição do solo, DAS SEMENTES DE ALGODÃO (achei isso muito bizarro!) e reconfiguram o mercado de pesticidas.

Bom, para acabar, o que achei o top do documentário: o impacto da indústria fast fashion da saúde mental, emocional e física. Desde o consumismo até às doenças crônicas e comprometimentos genéticos.

Confiram aqui o trailler!

Tem um site específico do filme aqui!!

“The True Cost” está disponível no Netflix! Alguém já assistiu?

Beijo no coração, amoras!

signature

O que é felicidade?

Oi, minhas amoras mais lindas do mundo!

O cafezim de hoje ta aí! Como falam os paraenses, ” te senta” e vem ler!

Às vezes somos lançados a pensar que precisamos de muitas coisas para ficarmos bem. Sim, precisamos. Mas que coisas são essas? Qual o motivo para possuí-las? Não é nenhuma falácia ou falso moralismo dizer que precisamos de roupas e sapatos. Precisamos. Precisamos na verdade de muito mais do que isso. O que é fundamental é saber a razão que nos faz dedicar a tal coisa ou fato o sentido da nossa felicidade.

Tudo passa. Está aí um fato condicionado à todos. Tudo um dia vai acabar, seja o que for que você tenha e guarde à sete chaves, que quer muito ter pra sempre, que acha que não vive sem. Um dia você não o terá mais. Mas não se apresse em saber como vai ser, não crie alguma angústia para o que será feito e que ainda não está feito. O que está feito está feito, assim como tudo passa. Simples assim.

Esse é um ponto que pode servir de alívio, conforto, medo, angústia. A tristeza demora mais a passar pois temos a dificuldade de lidar com ela. Dói e é desconfortável.  A alegria consome nosso coração e de repente desejamos que o que aconteceu de bom transporte a energia da positividade para outros cenários, objetivos e momentos de nossa vida. Vai passar, então viva. Vai passar, então, descanse, se acalme.

A medida certa de riso, a medida certa de moderação. Quanta coisa para pensarmos? O que posso usar? Com quem não posso falar? Tantas, quantas, muitas, sempre somos pressionados a vestir uma camisa, uma bandeira, mesmo que essa seja acusar o outro, mesmo que seja dizer que o outro é hipócrita sendo hipócrita você também, que nem sabe ao certo o que está criticando. A vida é muito louca.

É aquela história que vejo próximo de casa de um grupo que distribuiu sopa aos moradores em situação de rua e muitos dizem que estão alimentando vagabundos, mas, ou nunca sentiram fome, ou não se importam com esta demanda latente para a política social no País, ou sentem raiva dessas pessoas que moram na rua (tem gente que tem raiva, medo e nojo), ou se esquecem que comer é uma condição humana. Vista a pele do outro e assim você será mais leve, menos juiz. Experimente, faz um bem danado pra alma ( pra saúde mental, se preferir assim).

Muitas vezes eu só quero comer um caranguejo e ficar de boa pensando na vida. É o que eu preciso pra ter um momento de felicidade. Então, releve pra rir um pouco do vestido rosa envelopado cheio de pregas. Reclame menos do seu problema (e que às vezes nem é um problemas seu, mas você está se matando para solucioná-lo) para ir tricotar com uma amiga sobre as novas modas que retornam com uma roupagem cool no século vinte e um – estou velha!

O seu problema pode caber num espaço muito pequeno da sua vida quando você der à ele o tratamento certo. Ele pode caber em alguns minutos do seu dia, se todos os outros minutos estiverem preenchidos com outras coisas que realmente dão sentido à sua vida.

A sua felicidade vai sentar e ficar se tu deixares ela se acomodar melhor quando der de cara com a negatividade dos teus pensamentos, umas palavras tão bobas e tolas que nos jogam pra baixo por algo ruim que acontece.

Modere, pense, faça, sinta, queria, beije, sorria, corra, beba e, principalmente, dentre todos esses verbos de ação, relaxe. Seja leve!

Beijo para minhas Amoras!

signature

O que muda em 2016?

Amoras, esse post é muito especial pra mim! Pega seu cafezim e vem comigo que é só um recado pra vocês!

Estou começando bem devagarinho pra dizer pra vocês que quero estabelecer uma programação regular aqui no blog! Vamos fechar de toda a sexta-feira ter algo legal por aqui!

Tenho muitas coisas pra compartilhar e a vida é muito corrida! Só Deus sabe! Vou gravar um vídeo contando um pouquinho para vocês.

Amo meu blog e não quero deixá-lo assim, sem conteúdo.

Fiquem ligadas quem vem coisa bem cheia de amor pra vocês! Aos poucos!

Um beijo da Amora!

 

signature

O amor da minha saúde: suco verde!

image1

Primeiro, bora começar pelo começo, que é contando pra vocês como passei a tomar suco verde TODOS DIAS!

Bem, desde o começo da faculdade, eu negligenciava “algumas” refeições do dia, e, apesar de comer salada de legumes e verduras, ficava HORAS sem comer e tomava muito café! Imaginem o que aconteceu?

Sob um estresse bizarro eu acabava sentindo dor “na boca” do estômago! Gente, parecia que tinha uma bola de fogo que queimava (é óbvio) demais, demais, demais da conta! Haja omeprazol e ranitidina! Sem falar na dor de cabeça…

Até que num desses episódios, simplesmente eu não melhorei! Na verdade, demorei muito mais a melhorar… mas essa história é longa..

Nada como uma lição na vida pra você refletir BEM!  Se tiver vontade de mudar, meu amor, aí fica 100% satisfação, pele linda, intestino mara e menos gordura na vida, no estômago e tudo mais! Hahah

Aí comecei a tomar o suco por uma dica da minha prof de pilates, que é mara! A receita era: abacaxi, couve e espinafre uma hora antes do café da manhã. De cara, por estar fazendo aquela dieta de zero gordura e só legumes cozidos, frutas e carne branca, quando tomei o suco me senti com mais energia! E assim foi por todo o período da dieta e como vi que funcionou, tomo até hoje!

Amoras, a dieta foi mesmo para evitar alimentos gordurosos e com alto teor de acidez durante o tempo que estava tomando os remédios do estômago.

Hoje, eu já adapto o suco com outras frutas como maçã, pêra e laranja, por exemplo.

Vejo também os legumes que tenho na geladeira, inclusive alguns que, se eu não usar, podem estragar.. e assim, não vale, né?! Daí jogo beterraba, cenoura, pepino no liquidificador!

É muita vitamina e energia tudo junto! Olhem só, a couve e o espinafre são ricos em vitamina A e vitamina C. O espinafre é rico em nitrato que proporciona energia para as células e diminuiu a quantidade de oxigênio que precisamos no desempenho das atividades físicas. Ou seja, é  mais energia, ganho em resistência durante a atividade física e  desempenho elevado!  Ambos tem ação antioxidante e a couve e o gengibre tem ação também anti-inflamatória.

O gengibre merece um parágrafo só para ele! Até no alívio da cólica menstrual ele auxilia, sabiam? Vamos lá: combate enjoos, gases, indigestão, alivia dores musculares e auxilia no combate da tosse e da bronquite pela sua ação anti-inflamatória – aí o motivo de aliviar sua cólica, amore! Além disso,  estimula o paladar e olfato, o que faz com que você dispense o uso do sal no tempêro da comida. E favorece a queima de gordura pois é um alimento termogênico, ou seja, propicia o aumento da temperatura do corpo, acelerando o metabolismo e então, bye bye, gordura!!

Não coloco açúcar no meu suco verde. Tomo a mistura de tudo com um pouco de água e gelo!

Uma dica pra você que não é muito “chegado” nessas misturas naturebas é começar tomando só com frutas que você goste e, se quiser o suco doce, ao invés de colocar água, coloque ÁGUA DE COCO! Fica mara de viver!!

Fica a dica, amoras!

Beijo!

signature

Torcida Fashion – Coleção Camila Coutinho para Lojas Riachuelo

DSC013981

Vim falar de moda com preço bacana!

Gostei muito da coleção de blusas criadas pela Blogger e designer de moda Camila Coutinho para as Lojas Riachuelo! A inspiração é a Copa do Mundo mas eu as usaria (e vou usar) em qualquer época do ano.. haha.  As estampas são bem divertidas, alegres e algumas com uma pegada bem tropical!!  Você leva cada peça por R$ 39,90. Gostei! rs.

 

DSC013991

 

DSC01398

 

 

DSC01400

 

DSC01401

 

 

DSC01402

 

DSC01403

 

DSC01405

 

Comprei esses três modelos! Mas são dez no total!

O que acharam?

Até mais, amoras!

signature

Amora no Insta

Amora no Face